Todo e qualquer fato pode ser associado à geografia. Não é a toa que ela é a disciplina da atualidade.

Arquivo para setembro, 2011

Aêê Kaáássio…

Dá-lhe Red Hot no Rock in Rio…

uhuuuullll!!!!!!

“Quanto mais eu vejo, menos sei
E mais eu gosto de deixar rolar…” (Snow (hey oh), Red Hot Chili Peppers)

Anúncios

Enquanto isso, em NY…

(FONTE: Aroeira – A Charge on line)


Satélite desativado deve cair na Terra na próxima sexta (23)

Esse início de ano, falamos sobre a TECNOLOGIA A SERVIÇO DOS PODEROSOS, e um tópico do slide, falava sobre o chamado LIXO ESPACIAL (lembra?)

Veja a notícia divulgada abaixo, no site G1, sobre o tema:

Um satélite científico desativado da Nasa deve cair na Terra na próxima sexta-feira (23), espalhando detritos em algum ponto imprevisível do planeta, segundo cientistas da agência espacial norte-americana.

O Uars (Satélite de Pesquisas da Atmosfera Superior, na sigla em inglês) pesa 6,5 toneladas e foi colocado em órbita por um ônibus espacial em 1991. Ele funcionou durante 14 anos, fazendo medições do ozônio e de outras substâncias químicas da atmosfera.

Desde que completou sua missão, em 2005, o Uars vem lentamente perdendo altitude, por causa da gravidade terrestre. Na sexta-feira, a peça de 10,6 m de comprimento e 4,5 m de diâmetro deve mergulhar na atmosfera, segundo o site da Nasa.

A maior parte do equipamento acabará sendo incinerada na queda, mas os cientistas preveem que até 26 peças, com um peso total de 500 kg, poderão resistir ao atrito e cair em algum lugar do planeta.

A órbita do satélite sobrevoa a maior parte do planeta, desde o norte do Canadá até o extremo sul da América do Sul. A Nasa disse haver 1 chance em 3,2 mil de que uma peça do Uars atinja uma pessoa.

O mais provável é que os destroços caiam no mar ou em terras desabitadas. planeta, segundo cientistas da agência espacial norte-americana.

(FONTE:G1)


Ieba!!!!!

ADORO semana de provas!!!!!

É a hora em que você testa tudo que aprendeu (ou deveria ter aprendido).

Esse ano praticamente VOOU e já estamos na semana de provas do Terceiro Bimestre.

Dia 26/09 (na outra segunda-feira) já estaremos no Quarto Bimestre.

APROVEITEM o Terceiro Bim ainda e estudem MUUUITO pra já entrar com mais folga no final.

Bons Estudos galera…Eu vou lá agarrar minha linda Sofia (sobrinha) que nasceu.

Até segunda.


Pelamordedeus…

Olha, de vez em quando a gente vê cada uma por aí…

Mas esses políticos estão ultrapassando a linha entre a ignorância e a safadeza…

Assistam ao vídeo abaixo, um quadro do programa CQC, que se chama Controle de Qualidade, em que os apresentadores (Gentili, Cortez ou a Mônica) vão até Brasília fazer algumas perguntas que podem parecer um tanto ‘estapafúrdias’ mas acreditem se quiser, ELES NÃO SABEM AS RESPOSTAS.

Como o Tas já disse, esse vídeo é pra assistir com o título de eleitor nas mãos. Pegue seu título e assista.

Já vimos o vídeo no Primeiro Ano A, ainda veremos no Primeiro Ano B.

Nossa Prova Bimestral vai ser pra acabar com esses deputados e senadores e mostrar que NÓS sabemos (sabemos não é?) a localização dos lugares.

Estudem mapas do Brasil e do Mundo. Já disponibilizei no HD Virtual vários mapas (em Primeiro Ano, Atualidades).

Não me façam passar vergonha…pelamoredeus!!!


HD Virtual atualizado…

Galera, o HD Virtual já está abastecido…para o simulado do Terceirão e paras as lindas provas da próxima semana (que, diga-se de passagem, ficaram maravilhosas!!!)

Deliciem-se!


Em quanto tempo vc faz?

Mais um game pra testar seus conhecimentos geográficos.

Monte o quebra cabeças do mapa mundi e veja quanto tempo vc leva pra encaixar todas as peças corretamente no lugar certo.

Eu levei 2:58 min pra encaixar tudinho (tente fazer sem obter ajuda).

Amanhã tento quebrar meu recorde.

E vc? Em quanto tempo faz? Teste AQUI.


1 minuto de silêncio tb para as crianças afegãs….

É claro que, assim como todos, tb considero uma total tragédia o 11 de Setembro de 2001…

Esses dias atrás, em um Cejavest (aulas para vestibular), estávamos falando (como todo mundo tb está) do ataque às torres gêmeas do WTC. Lembrei à turma que, morreram no ataque, 3.000 pessoas. No terremoto do Japão: aproximadamente 15.000 pessoas e no do Haiti: quase 200.000 pessoas.

3.000 pessoas é muito?

Claro que é.

1 pessoa é muito. Não é clichê.

Essa ‘1’ pessoa, tem família, tem mãe, pai, pode ter filhos, portanto: 1 pessoa já pode ser uma tragédia pessoal para aquelas pessoas.

A questão é a seguinte: não posso deixar de lembrar-lhes que, além das 3.000 pessoas que morreram no 11 de Setembro, morreram somente na Guerra do Iraque, segundo estimativas norte-americanas 30.000 iraquianos (nas fontes do Iraque, esse número mais que quadriplica, chega até a 150.000 iraquianos), com a afirmação da tal justiça que se buscava fazer.

No livro, Corrupção à Americana, vem a tona o que não vimos em nenhum canal de televisão.

O povo americano, muitos até mesmo parentes daqueles que morreram, foram CONTRA a chamada Guerra ao Terror, no Afeganistão.

Porque? Porque mais americanos morreriam. Aqueles que já haviam perdido seus filhos, irmãos, pais, tios, perderiam agora mais pessoas que teriam que ir lutar essa nova guerra. Alguns familiares dos mortos de 11 de Setembro vieram a público se postar contra a Guerra e dizer: “não usem a nossa dor para legitimar a sua guerra. Nós não queremos Guerra.”

Mas é claro que, Bush, não escutou ninguém, afinal ele queria a guerra e alguns até  comemoraram quando os primeiros mísseis cruzaram a noite escura de Cabul.

Não pensem que acho bom o que ocorreu aos EUA. Deusmelivre.

Como dito anteriormente, foi uma tragédia que nunca será esquecida. Li no site “Último Segundo”  que cerca de uma hora depois dos ataques, bombeiros na base da Torre Norte viram uma coluna de alumínio líquido vazando na lateral do edifício. Era o avião derretendo. Acredita-se que a temperatura nos andares diretamente atingidos pelo avião chegou a 1.000º C.

O marco zero, ou seja o local exato em que bateram os aviões, só conseguiu ser totalmente apagado praticamente mais de três meses depois (só no centésimo dia do ataque),  Uma loucura.

Mas vejam a diferença das baixas dos EUA com os dados das baixas do Iraque e do Afeganistão. 3.000 mortes para praticamente 100.000, 150.000, só no Iraque.

O “Ultimo Segundo” traz ainda a informação que, morreram oito crianças nos ataques às torres. Todas estavam nos aviões que foram sequestrados. Como dito, basta uma morte para ser uma tragédia, mas imagimem quantas crianças afegãs e iraquianas morreram e ainda morrem nos dois países?

Recentemente, pegaram o ‘ícone do mal’, a personificação do terror, Osama Bin Laden. Morto em Maio/2011 em sua casa no Paquistão, sob situações até agora obscuras. Mas,  muito se comemorou (como se ELE fosse o único inimigo norte-americano)

Agora, 10 anos após o atentado às torres, ainda com soldados norte-americanos no Iraque, uma gigante crise econômica, comparada até mesmo à Grande Depressão de 1929 e morrendo de medo de um novo ataque, os estadunidenses não têm muito o que comemorar.


Felicidades…


Parabéns a todos que participaram!!!

Aconteceu nesta sexta-feira, dia 09/09/2011 a Feira Cultural do colégio ICE.

Eu, professora Fernanda e o professor Saragioto (bio) ficamos  com o Primeiro ano ‘A’.

Nosso tema era: Saúde (doenças da atualidade). Optamos em falar sobre a OBESIDADE (GLOBESIDADE).

Atualmente, a obesidade já figura como um problema tão sério quanto a própria fome. O aumento significativo dos chamados fast-foods elevou a um grau mais sério ainda a doença chamada obesidade.

A vida corrida das grandes cidades praticamente não nos permite mais a alimentação saudável. Na correria da vida urbana o almoço, antes feito com calma e carinho pelas matriarcas da família, agora é substituído pelos congelados, enlatados, industrializados…Contribuindo (e muito) para o surgimento da chamada GLOBESIDADE, fato abordado em nosso mural (Primeiro Ano A).

Venho ainda, agradecer aos meus queridos alunos do Primeiro Ano “A”, principalmente aqueles que se comprometeram com o projeto e levaram ao fim as metas pensadas por nós em sala de aula.

Veja abaixo alguns detalhes da Feira e do show de Talentos (0corrido no mesmo dia.)

clique na imagem com o botão direito para ampliar. 

Sobre nosso tema: Globesidade… levamos várias imagens de famosos caso fossem obsesos e anoréxicos…

A anorexia aparece para mostrar que o corpo magro necessariamente não representa saúde. Pode se tratar de outra doença.

E abaixo ainda, uma charge que adoro e representa muito bem a atual sociedade de consumo e idolatria a determinados icones sociais (trabalhamos essa charge no início do ano, nos primeiros anos, em evolucionismo)

 Mas, como falamos em nosso mural, isso fica pra uma outra Feira Cultural…


O Brasil precisa é de EDUCAÇÃO.


É…viva.

Já sabemos que o processo de independência do Brasil, não foi tão imponente quanto contava a história brasileira.

Hoje, os próprios professores da disciplina já repassam essa ‘verdadeira’ história do tal ‘grito do Ipiranga’. (Caso queira, leia o livro 1822 que conta de maneira bem legal essa história toda)

Nós brasileiros não temos muito o que comemorar, mas temos muito o que fazer ainda (ia escrever cobrar, mas na verdade, temos mesmo é que fazer).

Procurei uma série de bandeiras ditas ‘diferentes’ pela internet pra postar aqui no blog. Achei várias.

Quase branca, representada pela grandiosidade do desmatamento que já ocorreu no Brasil, pelo desfalque aos minérios e pela poluição industrial, tingindo totalmente a bandeira de branco e preto.

Achei tb aquelas formadas por materiais que seriam jogados fora (lixo) e que reciclados, formaram a bandeira brasileira. 

Mas ainda não fiquei satisfeita.  Ainda não estava contente com nenhuma dessas pra ilustrar meu texto em homenagem ao 7 de setembro.

E então, descobri, que eu queria mesmo aquela antiga, a de sempre.

Porque ainda acredito no Brasil. Acredito no reflorestamento, no desenvolvimento sustentável, na educação…Afinal, eu faço parte disso tudo.

Tenho filho pequeno e, ainda ensino aos filhos de outros brasileiros. Se eu não acreditar nessa mudança, nessa busca por desenvolvimento, dignidade, quem vai acreditar?

Espero que talvez um dia, nós brasileiros, usemos a camisa do Brasil tb em dias que não sejam de jogos, mas sim a usem somente pelo orgulho de ser brasileiro. Que eu sei que a gente ainda vai ter!

Finalizando com meu querido (e dentre os preferidos) poeta Cazuza:

BRASIL, MOSTRA TUA CARA!
Tua verdadeira cara. Sempre. 


Até parece…

Saiu hoje no Yahoo: os norte-americanos são ‘mais legais’ do mundo!!! Até parece!!Veja a pesquisa abaixo:

Eles podem estar testemunhando sua queda como superpotência mundial frente a economias emergentes, mas os norte-americanos foram eleitos “a nacionalidade mais legal” em uma pesquisa internacional (quem será que elegeu?).

Os brasileiros, por sua vez, ficaram em segundo lugar, liderando entre as nacionalidades latino-americanas, à frente dos mexicanos e argentinos.

A rede de relacionamento social Badoo.com (www.badoo.com) pediu a 30 mil pessoas em 15 países que nomeassem a nacionalidade mais legal. A pesquisa descobriu que os espanhóis são os europeus considerados mais bacanas, enquanto os belgas são a nacionalidade menos legal.

 

“Ouvimos muito na mídia sobre o anti-americanismo”, disse Lloyd Price, diretor de Marketing do Badoo. “Mas às vezes esquecemos o quanto as pessoas em todo o mundo consideram os americanos seriamente legais.”

É claro, nem todos os americanos são legais. Longe disso. Alguns, como Snoop Dogg, Lady Gaga, Samuel L. Jackson, Johnny Depp e Quentin Tarantino são muito mais legais que os outros, indica a pesquisa. Os norte-americanos, no entanto, são os caras que inventaram o termo “cool” (legal) e que incorporam isso em muitos campos, desde a música, filmes, TV e tecnologia.

“Os Estados Unidos”, diz Price, “têm o líder mais legal, Obama, os rappers mais legais, Jazy-Z e Snoop Dogg; e o cara mais legal em tecnologia, Steve Jobs da Apple, o cara que torna os nerds legais.”

Os franceses foram considerados mais legais que os britânicos, e os canadenses mais legais que os belgas. Isso pode parecer um alívio para os canadenses, que às vezes são considerados cronicamente “não legais”.

______________________________________________________________________

É, norte-americano é o povo mais legal, mas tb é a nação que mais gasta com a defesa do país…gasta muito mais que a maioria dos grandes países JUNTOS!!!

Será que tudo isso é amor?

(FONTE:Yahoo)

 


Mais umas…

é pra fazer a gente se sentir como um palhaço mesmo…

brincadeira heim!

(FONTE: Charges on line)

 


Melhores IDH’s do Brasil…

O site da Yahoo, publicou hoje, um ranking das melhores cidades brasileiras pra se viver, ou seja, com os melhores IDH’s do país.

 Para fazer o ranking de Índice de Desenvolvimento Humano, o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento leva em consideração três itens: expecativa de vida , PIB (Produto Interno Bruto) per capita e anos médios de estudo, ou seja, alfabetização.

Veja a lista abaixo:

10° – Fernando de Noronha, Pernambuco – Arquipélago de 17 km² distante 545 quilômetros da costa pernambucana abriga uma população de apenas 3.500 habitantes.

É formado por 21 ilhas, tendo uma principal – a maior de todas também chamada “Fernando de Noronha” -, como única ilha habitada.

As demais estão contidas na área do Parque Nacional Marinho, só podendo ser visitadas com licença oficial do Ibama.

O turismo é desenvolvido de forma sustentável.  

 9° – Porto Alegre, Rio Grande so Sul  – Capital do estado, com área de 476,3 km², está entre as cidades mais arborizadas do mundo, com mais de um milhão e meio de árvores, 582 praças, reserva biológica, nove parques urbanos e a maior concentração de pássaros do país.

Localiza-se no centro do Mercosul, posição privilegiada em relação a outras cidades brasileiras.

Sua população ultrapassa 1,4 milhões de habitantes.

 8°-Joaçaba, Santa Catarina  – Pólo econômico e político do meio-oeste catarinense, a cidade de 234 km² é famosa por realizar um dos melhores carnavais de rua da região sul. O município possui aproximadamente 27 mil habitantes e as temperaturas no verão podem ultrapassar os 35°C, sendo que no inverno os termometros chegam a marcar alguns graus abaixo de zero

7°-Balneário Camboriú, Santa Catarina  – Com apenas 50 km ², a cidade recebe quase dois milhões de visitantes por ano, tendo o turismo como principal atividade econômica. Cerca de 108 mil pessoas vivem no local. Destaca-se como um dos municípios com maior densidade de prédios do Brasil

 

6°-Bento Gonçalves, Rio Grande do Sul  – Situada no alto da Serra Gaúcha, figura entre as dez maiores economias do Rio Grande do Sul. A cidade conhecida como capital da uva e do vinho tem cerca de 107.341 habitantes e área territorial de 382,5 km².

5°-Santos, São Paulo  – A cidade de 271 km² fica a apenas 70 quilômetros da capital paulista. É conhecida pelo mar de águas calmas e infraestrutura de metrópole. Abriga o maior porto da América Latina e sua população é estimada em 418 mil habitantes.

4° -Florianópolis, Santa Catarina  – Conhecida também como ‘iha da magia’, a capital do estado tem 42 praias, o que atrai diversos turistas, principalmente argentinos. A Ilha de Santa Catarina tem uma forma alongada no sentido norte/sul, com uma dimensão aproximada de 50 km por 10 km e tem aproximadamente 421 mil habitantes.

3°-Niterói, Rio de Janeiro  – Apelidada de ‘cidade sorriso’, Niterói conta com uma população estimada de 487.327 habitantes , sendo a sexta mais populosa do Rio. O município de 129,375 km² também foi classificado pela Fundação Getúlio Vargas como o que possui a população mais rica do Brasil, por ter 30,7% dela inserida na classe A.

2°-Águas de São Pedro, São Paulo  – Segundo menor município brasileiro em extensão territorial, com apenas apenas 3,64 km², é repleto de parques e áreas livres. Além disso, é a única Estância do país construída de acordo com um projeto anterior e com a finalidade específica de ser um local de cura e lazer, garantias da qualidade de vida de seus habitantes e turistas.

 1°-São Caetano do Sul, São Paulo  – Com 15,3 km² e cerca de 148 mil habitantes, cidade do Grande ABC também ocupa o primeiro lugar no ranking de longevidade ( 78,2 anos). O município de 134 anos ostenta o 33º maior PIB brasileiro, superando o de capitais como Natal (RN), Campo Grande (MS), Cuiabá (MT) e Florianópolis (SC).

 

Galera, repararam qual as regiões que aparecem mais? Qual a maior predominância?

É claro que são as duas regiões mais desenvolvidas do país: em primeiro lugar, com 5 cidades, a REGIÃO SUL e em segundo lugar, com 4 cidades, a REGIÃO SUDESTE. 

Aparece a REGIÃO NORDESTE, com uma cidade, mas, é claro que é região litorânea, na verdade, uma paradisíaca ilha que nada se parece com o nordeste seco, dos piores índices de IDH do Brasil.

(FONTE:Yahoo) 


Globo 2030…

(FONTE: Kibeloco)


Aniversário…


Abrindo precedentes não. Mantendo antecedentes…

Ontem a Câmara dos Deputados recusou o pedido de cassação do mandato da deputada Jaqueline Roriz (PMN-DF).

Na verdade, votou e absolveu a deputada Jaqueline Roriz que, em 2006, aceitou maços de dinheiro do pivô do escândalo conhecido como mensalão do DEM, Durval Barbosa, ex-secretário de Relações Institucionais do Distrito Federal. Esquema descoberto pela operação conhecida como Caixa de Pandora.

Dos pouco mais de 500 deputados federais da Câmara, estavam 451 deputados presentes. Destes, 265 votaram contra a cassação, 166 a favor e 20 se abstiveram.

O Senador Pedro Taques criticou severamente o resultado: “Infelizmente ontem a Câmara dos Deputados não deu o exemplo de um estado republicano. Absolveu uma deputada que foi encontrada recebendo dinheiro. A justificativa é que o passado ficou para trás – criticou.

manifestantes pedindo a saída da deputada em Brasília.

Pedro Taques asseverou que o mandato parlamentar não pode ter a função de um escudo para a prática de crimes. Para ele, os deputados deveriam ser intolerantes com todos aqueles que roubam ou concordam com roubos.

Bom se todos pensassem assim…

Mas, quando eu vi o advogado dela dizendo que, caso ela fosse cassada, o fato abriria precedentes para novas cassações, eu pensei: se livrou!

(FONTE: G1, R7)


O que você vai ser, quando você crescer?

Meu nome é Pedro, tenho 17 anos e estou no ultimo ano de escola. Sempre me imaginei terminando a escola e já saindo direto pra faculdade. Mas pelo que vejo não será tão fácil.

Só faltam dois meses pra começarem os vestibulares e ainda não sei o que coloco na minha ficha de inscrição. São mais de 200 cursos, não tenho ideia de como eu posso escolher uma. È algo sério e por toda a vida, não é algo que resolvo com uma brincadeira de “minha mãe mandou…”. (FONTE: Folha.com)

Muitos médicos, engenheiros, advogados e até astronautas já sabiam que teriam essa profissão quando tinham apenas 5 ou 6 anos.

Mas, a maior parte das pessoas, até o momento da escolha, ainda não têm certeza do que farão pelo resto de sua vida.

Também pudera, a gente tem que fazer essa escolha em uma época em que ainda não temos certeza de muita coisa. Um período um pouco complicado: a adolescência.

O Blog  Aprenda Fácil traz um texto bem interessante sobre o tema:

“A tomada da decisão é sempre rodeada de muitas dúvidas, emoções e influências… E nessa hora, é preciso pesar cada opinião, desejo e vocação para se fazer a escolha certa.

Para essa escolha, é preciso observar as habilidades e interesses. Interesse é aquilo que desperta atração, curiosidade e motivação. Já habilidade é a demonstração prática do interesse.

O importante disso tudo é que a gente pode começar a sonhar com o nosso futuro. Conhecer quais são os nossos talentos, é o primeiro passo para tentar imaginar quem a gente pode ser ou o que a gente pode fazer de bom para o mundo.

Essa é uma pergunta padrão que se faz às crianças, mas que mesmo na fase adulta muitos de nós ainda não sabem como responder. Muitos de nós ficam pulando de galho em galho, trocando de emprego, fazendo cursos que não sabem se serão úteis no futuro. Gastam tempo, dinheiro, esforço, fosfato em coisas que não sabem se darão retorno algum dia.

Definir áreas de interesse

Se você é daqueles que diz que vai ser “engenheiro agrônomo, médico ou jornalista” vai ficar complicado até para você investir em seu futuro. Antes de decidir exatamente o que você quer fazer, seria importante definir em que área quer atuar.

Você quer lidar com gente? Com números? Com máquinas? Quer criar? Escrever? Vender? Imagine-se daqui uns 10 anos à frente: o que você gostaria de estar fazendo? Como você se vê: sentado em um escritório à frente de um computador, em uma sala de reuniões coordenando uma campanha publicitária, escrevendo versos em casa?

Se você disser que quer estar num apartamento de cobertura com vista para o mar e com uma BMW na garagem, digo “até eu, que sou mais boba….” Mas aí você estará falando do “resultado” e não de “como” irá ganhar o dinheiro para comprar a BMW e a cobertura.

O que você gosta de fazer?

Uma das maneiras de descobrir o que você vai gostar de fazer é ver o que você já gosta: de carros? animais? fotografia? pesquisa? química? Comece procurando suas áreas de interesse e saiba que será bem melhor ganhar dinheiro fazendo o que gosta – mesmo que só dê pra alugar um quarto e sala com um Fusquinha na garagem – do que maldizer cada dia gasto para ganhar os tubos pra manter a cobertura e a BMW.”

Eu, Professora Fernanda, saí de uma área (geoprocessamento e georreferenciamento de imagens de satélites) que tem um retorno financeiro bem maior que a área que eu gosto muito mais de atuar, e que atuo hoje, a educação.

Mas, descobri que é isso que gosto de fazer. Ensinar.

Pesquisar, estudar, descobrir informações interessantes e importantes pra depois levar até vocês, meus queridos alunos, que agora estão nessa dúvida tão grande que já tive a algum tempo atrás.

Pode parecer clichê, mas quando a gente gosta do que faz, faz muito melhor

Segundo o site de pesquisa: “A maior garantia de tornar-se um bom profissional é especializar-se naquilo que você gosta. Fazendo o que gosta será um profissional melhor, então ganhará melhor também. Pelo menos teoricamente.”

Especialização

Independente da carreira que irá seguir, se você já sabe a área em que irá atuar (carros, por exemplo) será mais fácil já ir fazendo cursos que irão contar valiosos pontos no futuro, quando você decidir finalmente a profissão que irá seguir. Se vai ser mecânico, engenheiro ou vendedor de carros, isso não vai importar muito porque um vendedor que entenda de mecânica irá vender muito melhor e mais, não acha?

Antes de ficar indo e voltando, gastando seu tempo em cursos que não irá usar –  ou que não sabe se usará – decida sua área e invista em você. Mesmo não sabendo se vai ser assistente social, psicanalista ou psicólogo escolar aquela coleção sobre as teorias de Freud serão úteis. Mas comprar a coleção se você não tem nem ideia se vai escolher física quântica depois é perda de tempo.

Antes de começar a investir, veja pelo menos em que direção quer seguir…”

Achei a  ilustração acima, em que aparece o Professor Darcy, por exemplo, que mostra que, desde pequeno ele,  já apresentava seu lado extremamente sociólogo.

Sempre sociólogo! 😉

 (FONTE: Blog Aprenda Fácil, Blog do Folha Teen)